Na luta pela refinaria, o prefeito Hélio segue incansável vislumbrando o futuro de Guamaré

 

A cidade de Guamaré tem uma gestão focada na solução dos principais problemas que atingem o município e colocam em risco o seu desenvolvimento. Na manhã desta terça-feira, 7, Hélio Willamy esteve reunido em Brasília com uma comissão designada pela presidência da Petrobras, juntamente com representantes da bancada federal, para tratar do possível rebaixamento da refinaria de petróleo Clara Camarão.

O assunto que pautou a imprensa esses dias preocupou ao prefeito, em razão das especulações acerca da redução dos investimentos ou até mesmo uma possível desativação da refinaria, fato que comprometeria a prestação de serviços aos cidadãos de Guamaré com a consequente queda de receitas, principalmente do ICMS. Presentes ao encontro em Brasília, ao lado do prefeito, os deputados Walter Alves e Felipe Maia e os Senadores José Agripino e Garibaldi se somaram ao chefe do executivo na cobrança do posicionamento da estatal sobre o tema em questão.

“Os representantes da Petrobras reafirmaram na reunião que não haverá redução, nem perdas da capacidade de produção da refinaria, bem como a desaceleração nos investimentos”, destacou o prefeito Hélio Willamy, logo após o encontro. Hélio também ouviu dos técnicos da estatal que não haverá desempregos.

“Ocorrerá apenas uma relocação da mão de obra especializada da própria empresa, ou seja, apenas ajustes internos”, disse. A comitiva potiguar também recebeu garantias de que haverá novos investimentos no setor produtivo já existente. “Solicitei aos representantes da Petrobras que se pronunciassem oficialmente, através de nota, em caráter de urgência, para que se cumpra o que foi colocado na mesa de discussão”, concluiu.

Presente ao encontro, o deputado federal Walter Alves se pronunciou nas redes sociais sobre o assunto, reforçando as declarações do prefeito Hélio Willamy: “não haverá descontinuidade de investimentos nem demissões. Vamos ficar atentos e fiscalizar”, disse.