Município ganha mais um parceiro no desenvolvimento das políticas públicas na assistência social

022

A Fundação Itaú Social através do Edital de apoio aos Fundos da Infância e da Adolescência (FIA) selecionou 31 propostas de conselhos municipais dos direitos da criança e do adolescente-CMDCA. De um número de inscrições que reuniu 386 cidades de todo o Brasil, o município de Guamaré ficou entre as 31 cidades selecionadas.

A iniciativa da inscrição no referido Edital, deu-se pela Presidente do CMDCA, Marisa Rodrigues, no qual foi discutido e deliberado pelo conselho a importância do mesmo na captação de recursos, através do Fundo da Infância e Adolescência – FIA, em inscrever um projeto pelo CMDCA que pudessem atender as demandas e ações trabalhadas nas estratégias identificadas pelo processo da edição 2013-2016 do Selo Unicef, pelo qual foi aprovado por unanimidade pelo senhores conselheiros.

Proposta
O Projeto intitula-se “Acolher: Programa de Atendimento Educacional”, que beneficiará 100 crianças e/ou adolescentes que estejam com rendimento escolar abaixo da média em processo de evasão escolar, ou que estejam em atendimento pela Proteção Social Especial – CREAS. Segundo a Secretária de Assistência Social e Presidente do CMDCA, Marisa Rodrigues, a seleção desse projeto vai muito contribuir para reverter os indicadores a serem trabalhados nesse segmento.

Reconhecimento
“A seleção do nosso projeto pela Fundação Itaú Social repercute na organização e estruturação do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente de Guamaré, que vem se mantendo forte, participativo, e contribuindo nas questões das políticas públicas em defesa da criança e do adolescente, como também o apoio da atual gestão municipal”, considerou Marisa Rodrigues.